Salta - 2o dia

No dia seguinte, acordamos bem cedo para fazer o passeio. Já tínhamos avisado aos funcionários do hotel que sairíamos bem cedo e assim, já tínhamos um café quentinho quando acordamos. Assim que terminamos de tomar o café, apareceu nosso guia no hotel.


Ainda estava escuro, mas logo amanheceu a já começamos a ver uma paisagem árida, bem diferente do que estamos acostumados, pelo menos para uma garota carioca, mas nem por isso, menos linda, rica e interessante (a paisagem... rs...).













Por volta da hora do almoço, chegamos a uma cidadezinha onde paramos para almoçar. Não pude resistir à curiosidade e pedi o bife de lhama para comer.







Mais algum tempo de passeio e chagamos ao melhor da excursão: as Salinas!!! Um deserto branco feito de sal que forma uma paisagem inconfundível!

Uma vez que o sol reflete no chão branco, é muito difícil ficar lá por muito tempo. Além disso, não se pode dispensar os óculos escuros e muito protetor solar. 















Continuamos na estrada e subimos mais um pouco até alcançar os 4170 m acima do nível do mar.










A partir daí, começamos a descer novamente. Eu que já estava com dor de cabeça antes, comecei a me sentir mal e quando chegamos a Purmamarca, tive que tomar um chá de coca. Nada demais, um chá como qualquer outro, até quase sem sabor e acabei me sentindo um pouco melhor. Demos uma volta pela cidade, paramos para tirar fotos do "cerro de los siete colores" e pegamos a estrava de volta para Salta.











Besos!


Postagens mais visitadas